The Política

Pacheco mudará para partido de Kalil para concorrer contra Bolsonaro

De acordo com o Uol, via Thais Oyama, o presidente do Congresso, Rodrigo Pacheco, deu sua palavra de que vai mudar de partido, sai do DEM para o PSD, para concorrer à presidência em 2022.

A mudança já era esperada há alguns meses e fará parte de um acordo de candidaturas fortes em importantes etados.

Em Minas Gerais, Alexandre Kalil concorrerá ao governo de Minas. No Rio de Janeiro, Felipe Santa Cruz virá como candidato apoiado pelo prefeito Eduardo Paes.

Em São Paulo, o PSD deve fechar com Geraldo Alckmin, que sairá do PSDB. No Paraná, o partido tentará a reeleição com Ratinho Júnior.

Com pelo menos 4 palanques de peso, a candidatura de Pacheco pode receber uma atenção especial e se tornar uma terceira via viável.

Este é um post da coluna O Direitista. Caso queira, clique aqui para ler a coluna O Esquerdista

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Categorias:
O Direitista

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
2 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Valdionei Paiva

Ai fica dica ainda precisa voltar no ladrão Lula. Tem vários bons candidatos se querem tentar tirar o Bozo de lã

Nilson

Pacheco, em 2018, era ilustre desconhecido. Ungido nos grupos de whatsapp do Bolsonaro, como forma de impedir a eleição de Dilma para o Senado. Ele e o Carlos Vianna. O eleitorado que o levou ao Senado é o mesmo que votou no Presidente atual. Acho difícil que ele obtenha apoio contra o Presidente.