The Política

C. Bolsonaro faz polícia intimar Felipe Neto e ele pode ser preso com Marquezine

Nesta segunda, 15, dia em que o Uol revelou que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e seu filho, Carlos Bolsonaro (Republicanos) estão envolvidos em um escândalo de rachadinhas, quando os políticos roubam dinheiro público desviando via salário de servidores dos gabinetes, também desencadeou-se uma artimanha de censura.

O youtuber Felipe Neto foi intimado pela polícia a responder por “crime contra a segurança nacional”.

Leia também: William Bonner desmente Bolsonaro ao vivo na Globo; veja aqui

O motivo foi ter chamado o presidente de “genocida” por sua condução da pandemia, que já matou quase 300 mil brasileiros e colocou o Brasil como vice líder em mortes e hoje o maior pico de contaminação do mundo.

“Carlos Bolsonaro foi no mesmo delegado q me indiciou por ‘corrupção de menores’”, escreveu Felipe Neto.

A queixa-crime foi aberta no último dia 11/3 e em último caso, pode render prisão para ele e para a atriz Bruna Marquezine.

Mesmo nos momentos mais tensos do impeachment, nunca se viu nada parecido no Governo Dilma, mesmo que as críticas tenham sido ainda mais pesadas.

Leia O Direitista: Empresário que ajudou Jair Bolsonaro muda de lado: “Você será preso”; leia agora

Este é um post da coluna O Esquerdista. Caso queira, clique aqui para ler a coluna O Direitista

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Comentários

Subscribe
Notify of
guest
9 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcio Cardoso

Esse Estado de Minas não é mais um Jornal!!! Virou Partido Político!!!

João De Deus Filho

Esse portal UAI, juntamente com o Estado de Minas, andando na contramão do que pensa o povo brasileiro, que elegeu democráticamente o presidente Bolsonaro, coloca ativistas de esquerda prá tentar diminuir o atual governo. Porém os tiros tem saído pela culatra. Cada vez mais deixamos de acompanhar o site e o jornal. Não queremos que puxem o saco, mas que sejam coerentes e publiquem o que for verdade. Essa mídia está aos poucos perdendo credibilidade e talvez perceba isso muito tarde, quando não houver mais salvação. Nós, que votamos e continuamos apoiando o presidente, exigimos no mínimo respeito.

Paollo Bettega

Vakagá João de deus.

Iamt Iamt

ué, já virou venezuela ????

Maurício Bittencourt Marques

Matéria podre.

joao paulo

Para chamar alguém de genocida é preciso ter provas simples. Pela matéria parece que por alguém ser investigado outra pessoa pode cometer crime chamando de genocida. E o sujeito vem falar que genocida foi um termo colocado em uma frase. Responda na justiça rapaz.

Joe Zim

Portalzinho mequetrefe! Pau que bate em Chico, bate em Francisco. O deputado “facista” tá preso. Esse “influencer” tem imunidade “vagabundar”?

denio antunes

Se esse portal é o jornal estado de Minas tivesse ganhando dinheiro do governo a matéria seria verdadeira mas como a mamata acabou tem que ter uma dose de mentira. Vai se fuder

Insider

Agora prova do próprio veneno! Boa sorte, Nelipe Feto!